MARIA RITA | Grupo Tom Brasil
thumbnail
MARIA RITA
Turnê: Amor e Música
08/09/2018 | 22h

Após percorrer o Brasil de norte a sul, Maria Rita apresenta novamente o show “Amor e Música”, moldado em torno do álbum homônimo, o oitavo de sua discografia, no Tom Brasil, em São Paulo, no dia 8 de setembro. Além de “Cadê Obá”, “Reza” e “Amor e Música”, canções do último trabalho da cantora, compostas por nomes tarimbados da música brasileira, como Moraes Moreira, Luiz Paiva, Davi Moraes, Carlinhos Brown, Zeca Pagodinho e Fred Camacho, o show também apresenta sucessos de discos anteriores, como “Bola pra Frente”, “O Homem Falou” e “Tá Perdoado”, entre outros.

“É um show fortemente calcado nos temas do novo disco, onde pretendo dar ênfase ao grito entalado na garganta, mas também a mensagens de fé, força e perserverança”, conta a cantora.

Responsável também pela direção geral do espetáculo, Maria Rita sobe ao palco com um time de velhos conhecidos, composto por Leandro Pereira (violão 7 cordas), Wallace Santos (bateria), Rannieri Oliveira (teclado), Alberto Continentino (baixo), Fred Camacho (cavaco), Jorge Quininho (percussão) e Adilson Didão (percussão). A cenografia é de Zé Carratu, o figurino, de Walério Araújo, e a iluminação, de Arthur Farinon.

 

SOBRE O DISCO “AMOR E MÚSICA”

Com direção e produção da própria cantora, o novo álbum traz ao todo 12 canções, compostas por amigos e parceiros de Maria, como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Marcelo Camelo, Carlinhos Brown, Moraes Moreira, Davi Moraes, Pretinho da Serrinha, entre outros.

As faixas incluem “Amor e Música”, releitura de canção de Luiz Paiva e Moraes Moreira, que ganhou também uma versão em bolero, disponível somente na versão digital, “Chama de Saudade”, de Davi Moraes, Fred Camacho e Marcelinho Moreira, música de abertura do álbum, e “Nos Passos da Emoção”, de Davi Moraes, Moraes Moreira, Marcelinho Moreira e Fred Camacho.

Também estão no repertório duas canções de Arlindo Cruz – a releitura do hit “Saudade Louca”, parceria do compositor com Acyr Marques e Franco, lançada em 1989, e a inédita “Cara e Coragem”, composta em parceria com Davi Moraes.

Maria Rita ganhou mais dois presentes especiais: “Pra Maria”, samba inédito de Marcelo Camelo, compositor que está presente no trabalho da cantora desde o seu álbum de estreia, “Maria Rita” (2003), e “Samba e Swing”, canção inédita de Oscar da Penha (1924 –1997), o Batatinha, poeta do samba de Salvador (BA), que a cantora recebeu das mãos da família do compositor.

O disco conta ainda com as faixas originais “Nem Por Um Segundo”, de Zeca Pagodinho e Fred Camacho; “Reza”, parceria de Pretinho da Serrinha com Nego Alvaro e Vinicius Feyjão, “Cadê Obá”, de Davi Moraes e Carlinhos Brown; “Perfeita Sintonia”, de Fred Camacho, Leandro Fab e Marcelinho Moreira; e a já divulgada “Cutuca”, de Davi Moraes, Marcelinho Moreira, Fred Camacho, que foi apresentada em setembro do ano passado na trilha sonora da novela Pega-Pega, da Rede Globo

CLASSIFICAÇÃO: 14 anos - Menores de 14 anos somente acompanhados dos pais ou responsável legal.